06/04/2016

Michiru Heya By NEKOTA Yonezou

Os mangas de nekota sensei são sempre muito interressantes, e acho que de todos os que li dela,michiru heya foi o que mais gostei, antes meu favorito dela era o elektel delusion,mas após ler ontem michiru heya eu fui mais impactada pela história. os mangas da nekota são bem conhecidos por serem bem sensual e ter boas cenas de sexo,porém neste manga o que mais marcou em minha opinião foi o peso dramatico de um dos personagens principais, e não tem muitas cenas de sexo em exagero como em hidoku shinaide e acho isso bom pois deu lugar a um enredo que me agradou. foram 13 capitulos aos quais não me arrependo de ter gastado meu tempo lendo.



Numa escola catolica onde os alunos dividem dormitorios, renold acabava de ganhar um novo companheiro de quarto chamado roger, o grande problema nisso é a fama ao qual roger possui naquela escola, e por causa dessa fama a primeira pergunta que reno faz a roger é se ele era gay?.
todo mundo sabe que roger vende o corpo por dinheiro e faz de seu quarto um ''bordel'' para atender seus clientes que também são alunos daquela escola e pagam bem por uma transa com ele. por causa dessa fama a maioria dos alunos não gays o evitam e não desejam dividir quarto com roger. reno tendo ele como companheiro de quarto teria de aceitar a forma ao qual roger ganha dinheiro,sendo assim roger diz que pagará a ele uma quantia para que reno sempre deixe o quarto livre enquanto tiver um cliente.
reno então tem de ''aceitar'' mesmo contra a vontade para assim ter uma boa convivençia com seu novo companheiro de quarto.
existia regras colocadas por roger e uma delas é que ele nunca transava com seu companheiro de quarto,isso era algo fora de questão,nem transar,nem se apaixonar e ponto.


convivendo com roger, reno passa a compreender um pouco o rapaz que era reservado se tratando de sua vida pessoal, ele vendia o proprio corpo mas não demostrava está feliz com sua situação, seus olhos sempre eram tristes e existia uma razão para que ele vendesse o proprio corpo a outros homens. enquanto muitos achavam que roger era louco por dinheiro e fazia isso por pura luxuria e falta de vergonha, por dentro roger sofria em sua solidão. seu passado também era muito comentando na escola, sua mãe era uma mulher que vendia o corpo e seu pai cometeu suicidio e muitos diziam que ele e seu amante se suicidaram juntos. diante de tantos rumores sobre sua familia, só roger sabia a dor que ele sentia com tudo isso.além de ter sido abusado por outros garotos.
solitario e com um passado dramatico seu vazio começa a ser preenchido ao passar a dividir o quarto com reno que era um garoto que se importava com os outros, um rapaz de coração bondoso ao qual tentava entender o porque roger vendia seu corpo se não parecia feliz. com a convivençia dos dois passam a ser amigos, e claro reno se apaixona por roger mesmo sabendo que roger não queria ter relação com companheiro de quarto.
foi inevitavel reno se apaixonar e teria de saber lhe dá com roger e todo seu dramatico passado ao qual fazia ele se fechar e impedia o rapaz de perdoar a si mesmo.


o drama de roger tocou meu coração, eu senti pena dessa cara,o passado da familia dele é pesado e carregou isso tudo desde pequeno, a culpa pelo suicidio do pai e outras coisas fizeram dele um personagem dramatico.
esse manga me mostrou algo que eu já sabia, as vezes uma palavra errada pode destruir uma vida, e foi o que aconteceu no caso do pai de roger.
magoas no coração,não se perdoar..tudas essas coisas acaba transformando uma pessoa para a pior, mas também sempre existe alguém para sarar nosso coração basta apenas não termos medo de mostrar nossas fraquezas para esse ser especial.

é um bonito e dramatico romance.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MUITO OBRIGADA POR COMENTAR, PEÇO QUE NÃO DEIXE SPOILERS NEM LINKS NAS POSTAGENS. BEIJOS E VALEU POR GASTAR MINUTOS DOS SEUS DEDINHOS.