24/10/2015

Futaris No Maharaja By Tamaquis Wren.

se tem uma coisa que me deixa com TESÃO é manga yaoi com seme INDIANO, eu já falei isso aqui mil vezes tenho loucura por personagens com nacionalidade indiana e toda vez que acho um manga CLARO que vou ler.


essa é a história de MAYA [ não é aquela de caminho das indias não ] o maya da historia é uma rapaz japones que vai até a india a pedido de seu amigo para trabalhar como professor de japones mas quando ele chega lá percebe que foi enganado pelo proprio amigo e fica sem rumo já que levaram tudo que ele tinha, sem forças e pedindo ajuda maya cai no deserto da india até que ele sente que alguém se aproximava,

 era um indiano com olhos vibrantes e cabelos negros que o beija na boca e vai embora [ ISSO SÓ ACONTEÇE EM YAOI MESMO ]



 totalmente sem saber o que fazer e sendo atacado por uns homens maya é resgatado por um outro indiano que pareçia muito ao indiano de cabelos negros só que este tinha cabelos claros e olhos de cor diferente MAHARAJA VISHA era o nome do indiano de cabelos claros 

[ tenho maior dificuldade de gravar nomes de personagens imagina um troço de nome desses ], visha leva maya para seu palaçio já que ele era um indiano muito importante na india, visha pede para maya trabalhar para ele como professor de japones e ele aceita pois deveria retribuir a ajuda de visha, a noite no palaçio ele vê um homem de cabelos negros e olhar vibrante era o mesmo homem que apareceu enquanto ele delirava e o beijou....

este indiano era MAHARAJENDOR RAJENDORA [ pqp de nomes esquisitos ] um outro indiano de nome nobre que era ex-cunhado de visha ao qual tinha casado com a irmã de rajendora sendo que a mulher de visha morreu e uma situação complicado ficou entre visha e rajendora os dois pareçia não se suportar, e rajendora queria uma coisa de visha,ele queria maya e diz que maya pertençia a ele...
a vida de maya se torna bem louca pois os dois indianos não estavam dispostos a renunciar maya, rajendora era um indiano que exalava tesão e masculinidade, já visha era mais delicado e não tão marcante como rajendora que tinha como destaque seus lindos cabelos negros e olhos verdes...

coitado de maya teria de escolher entre os dois, ou talvez fazer um sanduiche né...o presunto de um lado o queijo de outro e o pão..tadinho né olha a má sorte do rapaz ser desejado por dois indianos lindos,gostosos e ricos...kkkkkkkkk confesso que gostei mais do rajendora ele é vibrante e vibrou bastante em maya se é que me entende... mas o visha não ficou para trás, e quem saiu ganhando foi maya com esses dois lindos indianos...ARE BABA.



Ikumen After By kodaka kazuma

ser fujoshi para min tem sido tão legal principalmente quando leio mangas que valem a pena , só me arrependo de não ter virado fujoshi antes. o bom de ser nova fujoshi é que tudo para min é novidade seja em mangas ou animes estou gostando muito de ter incluido o fujoshi no meu curriculo otaku, acho que só faltava isso mesmo.

ontem li este manga SUPER lindo e SUPER kawaiii, foi meu primeiro yaoi com histórias de relação entre dois pais,ainda não tinha lido um yaoi com uma comédia romantica que trata de pais solteiros e sinceramente achei esse manga a coisa mais linda, a forma como dois pais solteiros cuidam de seus filhos me encantou.


IKUMEN AFTER mostra o inicio da bela amizade entre dois pais, asakura-san é um pai viuvo que perdeu a esposa faz alguns meses assim ele decidi colocar seu filho hiromi-chan numa crechê e nessa crechê hiromi-chan conhece um amiguinho chamado motoki-kun. quando asakura-san tava levando hiromi-chan para a crechê ele conheçe motoki-kun e o pai de motoki-kun que ao olhar para asakura-san é tipo amor a primeira vista, izumi-san o pai de motoki-kun se encanta por asakura só em mira-ló.


uma amizade entre asakura-san e izumi-san começa a aconteçer da mesma forma que seus filhos que já são amiguinhos,o fofo é que motoki-kun também é encantado pelo amiguinho da mesma forma que o pai é encantado por asakura-san, a amizade desses pais passa a se tornar algo muito bonito asakura é um homem fechado e como perdeu a esposa faz pouco tempo ainda está aprendendo a entender o filho que fazia xixi na cama, asakura-san demostrava ser um pai sem confiança e por mais que amasse seu filho sua auto estima como pai não era muito boa, diferente de izumi-san que era um pai mais extrovertido e tinha uma otima relação com seu filho. 



observando izumi-san,asakura começa a se sentir mais motivado como pai e izumi lhe ensina algumas coisas para que ele fosse um pai mais prendado seja preparando um lanche para o filho ou o explicando como deveria lhe dá com a criança. a relação de izumi e asakura se torna algo muito bonito,uma amizade de pais forte sendo que izumi-san é nitidamente apaixonado por asakura e não sabe como lhe dizer tal coisa já que asakura-san não é gay ao contrario de izumi que é gay, sendo um pai solteiro a relação dele não deu certo pelo fato de ser gay e ainda por cima izumi tinha um passado meio estranho como ator de filmes adultos, e se relacionar com um homem comum não seria muito facil principalmente em se controlar.


kodaka kazuma soube levar muito bem o enredo da relação desses dois pais sem precisar apelar, foi uma história super fofa de ler,vê como os dois cuidavam com todo gosto do filho, acho que alguns pais deveriam aprender a cuidar assim de seus filhos, mesmo não tendo a presença de uma mulher esses pais não perderam para nenhuma familia com pai e mãe, izumi dava total atenção a sua criança e o mesmo digo de asakura-san que foi evoluindo como pai graças a izumi-san que o ajudava em conselhos e com um sorriso que lhe dava energia e motivação.

sem duvidas foi um belo manga de 2 volumes, kodaka kazuma é uma otima mangaka e já li algumas obras dela e gostei da maioria, pelo que sei tem até um anime ova de nome kizuna que é da criação dela ao qual gostei bastante também, vale ultra a pena dá uma olhada nos mangas dela.